Como declaro criptomoedas no Imposto de Renda?

0
103

A época de declaração do Imposto de Renda chegou. Até o final do mês de abril, todos aqueles que atendem às exigências de participação precisam enviar os seus dados para a Receita Federal. Apesar do grande prazo, é importante fazer a declaração do Imposto de Renda o quanto antes, tanto para segurança, quanto para uma restituição mais veloz.

Hoje, o processo de declaração está bastante simplificado e pode ser feito de três maneiras: pelo computador, celular ou tablet ou por meio do Centro Virtual de Atendimento (e-CAC). Isso quer dizer que você pode realizar todo o processo sozinho e depois enviá-lo à Receita Federal, tudo a um clique de distância.

Todo processo parece muito simples, porém, é muito comum que apareçam dúvidas sobre a obrigatoriedade de declarar o Imposto de Renda, assim como o que deve ser declarado. Neste ano, todos aqueles que receberam mais de R$ 28.559,70 precisam passar pelo processo – salvo da atividade rural.

Em relação ao que deve ser incluído, estão:  bens, como imóveis e carros, e também investimentos. Isso quer dizer que é preciso declarar criptomoedas no Imposto de Renda.

Por conta de sua recente ascensão, muitos ainda não sabem como fazer o imposto de renda incluindo as criptomoedas. É por isso que elencamos as principais dúvidas e vamos explicar de maneira transparente. É claro que contar com a ajuda de um contador nunca é indispensável, porém, para garantia de que tudo esteja sendo feito de maneira correta, você precisa estar por dentro de todos os detalhes.

Como declaro minhas criptomoedas?

Para começar, você deve declarar suas criptomoedas ou bitcoins na Ficha de Bens e Direitos, com o código 99 – “outros”. É preciso dizer qual o montante total que possuia até o dia 31 de dezembro de 2018, de acordo com a cotação de data de compra – ou seja, a flutuação do mercado fica fora disso. Você deve comprovar essa quantia por meio de seu extrato bancário ou documentação cedida pela corretora.

Reforçando: é muito importante lembrar que você precisa informar em sua declaração o preço de compra de seus ativos, afinal, o mercado financeiro  é instável e tem alterações todos os dias.

E meus lucros?

Caso suas criptomoedas tenham sido valorizadas e geraram algum lucro para você, saiba que as mesmas não geram evento tributário. Nesse caso, todas as operações de vendas acima de R$ 35 mil, no período de 30 dias, que trouxeram algum ganho devem ser incluídas no montante total – da mesma maneira que é feito quando alguém vende algum outro bem.

A alíquota varia entre 15% e 22,5% e o recolhimento desse imposto sobre a renda deve ser feito até o último dia útil do mês seguinte ao que ocorreu a transação.

De olho nos detalhes

Como dissemos acima, é preciso declarar todo o saldo contido até o último dia de 2018. Mas é importante lembrar que, se você tinha criptomoedas e não as declarou nos anos anteriores, está sujeito a cobrança dos impostos devidos, assim como juros e multa.

Todos os anos, você precisa atualizar o valor, somando com os anos anteriores. Fazendo isso de maneira organizada, fica muito mais fácil manter um fluxo de acompanhamento linear e fazer a declaração de Imposto de Renda de suas criptomoedas de maneira correta.

Se você não sabia disso e não fazia anteriormente, é importante colocar tudo isso em dia, assim, deixando a casa em ordem, tudo será muito mais simples a partir da próxima declaração.

Tenha uma boa corretora ao seu lado

Independente do tipo de investimento que você deseja fazer, é preciso contar com uma corretora de confiança. Elas são responsáveis por sistemas seguros, contando com Blockchain e são capazes de facilitar diversos processos de aquisição e venda das criptomoedas.

Essa parceria traz conforto, segurança e tempo livre para se preocupar com o que realmente importa: seus negócios.

Para abertura de conta, é tudo muito simples: basta informar dados básicos e, sem cobranças, a conta já está pronta para utilização. É só transferir créditos e escolher a melhor moeda para seus objetivos e modelo de negócio.
Além disso, também é possível realizar transferências entre contas da mesma corretora com pequenas taxas. Saiba mais: https://coinfinexx.com/

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here